Home Destaques do Dia Morto jovem confundido com traficante rival

Morto jovem confundido com traficante rival

4 min read
0
0
237

Tristeza e comoção marcaram o enterro de Uelinton Brito de Jesus, de 26 anos, nesta segunda-feira, 7, no cemitério de Plataforma, em Salvador. Ele, que era motorista de uma companhia de bebidas, foi morto a tiros na noite do domingo, 6, por volta das 23h40, quando passava de carro pela rua da Caixa D’Água, em Alto de Coutos, próximo ao Centro Educacional Margarida Brito.

Segundo um vizinho, que estava no enterro, Uelinton morava em Alto de Coutos e foi morto por uma “injustiça” cometida por traficantes de outra rua do bairro, que teriam confundido a vítima com um criminoso rival.

“Do jeito que está essa guerra do tráfico, tem aquela situação, né? Quem mora cá embaixo não pode subir, porque acha que todo mundo está envolvido”, tentou explicar Antônio Carlos, que disse conhecer Uelinton há bastante tempo.

A namorada do jovem, Mayane dos Santos Santana, 24, também estava no veículo. Ela foi baleada duas vezes no abdômen e, até a noite desta segunda, seguia internada no Hospital do Subúrbio (HS).

Policiais militares da 18ª Companhia Independente da PM (Periperi) foram ao local do crime, mas não encontraram nenhum suspeito. Os militares isolaram a área até a chegada do Departamento de Polícia Técnica. O caso é investigado pela 3ª Delegacia de Homicídios Baía de Todos-os-Santos, do Departamento de Homicídios (DHPP), que ainda não tem pistas sobre autoria e motivação do crime.

Marcado pela emoção

O enterro de Uelinton também foi marcado pela emoção do único filho do rapaz. Bastante abalado, o garoto de apenas 6 anos gritava: “Pai, eu te amo e sempre vou te amar”.

Em homenagem ao motorista, alguns amigos foram ao enterro com uma camiseta personalizada contendo a foto de Uelinton e a seguinte mensagem: “Vai na paz, irmão. Fica com Deus! Um dia ainda vou te encontrar”.

Indignado, o amigo Antônio Carlos lamentou o ocorrido. “O cara era pai de família, trabalhador, honesto. Cumpria todos os deveres dele. Subiu para a outra rua com a namorada… Os caras do tráfico acharam que ele devia e fizeram essa maldade com ele”, lamentou.

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar Mais Por projetus
Carregar mais em Destaques do Dia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Vejam também

Bonfim ganha monumento pelo fim da intolerância religiosa

O monumento foi instalado em frente à Basílica, e cada letra tem 1,20 metro de altura e 27…