Home Internacional Leões devoram caçadores em Reserva na África do Sul

Leões devoram caçadores em Reserva na África do Sul

2 min read
0
0
183

Ao menos três caçadores podem ter sido atacados e devorados por leões no resort Sibuya Game Reserve, localizado na província do Cabo Oriental, África do Sul. As vítimas tentaram entrar ilegalmente em uma reserva para caçar rinocerontes.

De acordo com informações divulgadas pela reserva, foram encontrados na áreas três pares de sapato, além de uma cabeça e diversas partes de corpo e membros ensanguentados. Equipes da reserva também recolheram rifles de artilharia pesada com silenciadores, cortadores e um machado usados por caçadores para retirar o chifre dos rinocerontes.

Nick Fox, proprietário da reserva, declarou ao jornal Daily Mail que o bando estava pronto para ficar dias na região. “Encontramos armas pesadas e comida suficiente para dias, então suspeitamos que eles estavam mesmo atrás dos nossos rinocerontes”, contou. “Mas os leões são os nossos vigilantes e guardiões, eles encontraram o grupo errado e acabaram virando refeição”, disse.

A reserva é uma das mais populares na região e é procurada principalmente por turistas britânicos que querem observar os “5 Grandes” animais da África: o elefante, o búfalo, o leopardo, o rinoceronte e o leão.

Em 2016, o local perdeu três rinocerontes quando caçadores ilegais entraram no parque e os mataram para retirar seus chifres. A caça a esses animais tem se tornado um problema na região: só este ano, nove rinocerontes foram mortos em reservas.

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar Mais Por projetus
Carregar mais em Internacional

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Vejam também

Área de lazer é inaugurada na Vila Ruy Barbosa em Salvador

Uma nova área de lazer foi inaugurada no bairro de Vila Ruy Barbosa, na Cidade Baixa, na n…