Home Notícias Baralho do crime é atualizado e tem mais 6 procurados

Baralho do crime é atualizado e tem mais 6 procurados

3 min read
0
0
23

O Baralho do Crime da Secretaria da Segurança Pública (SSP) recebeu seis novos procurados pela Justiça, nesta sexta-feira (24). Dessa vez, os alvos são responsáveis pelos crimes de homicídio e tráfico de drogas.

O ‘Ás de Ouros’ apresenta Wesley da Silva Lima, investigado por cometer um homicídio no município de Juazeiro, distante 507 quilômetros da capital baiana.

No ‘Valente de Ouros’, ocupa Jaime Silva de Jesus, o “Bruxo” ou “Pitbull”, atuante em Salvador, indiciado por tráfico de drogas.

Já a carta ‘Nove de Ouros’ passa a ser ocupada por Tiago da Cruz, conhecido como ‘Tiago Babao’. Procurado por homicídio, ele tem como área de atuação a localidade conhecida como Planeta dos Macacos, no bairro de São Cristóvão, em Salvador.

Foragido do Sistema Prisional, Alan Santos Fonseca, o “Junior Pial” ou “JP”, passa a integrar o ‘Ás de Paus’. Ele é investigado por tráfico de drogas e atua nos bairros de Águas Claras e Valéria, em Salvador, e em Nazaré e Maragogipe, cidades do Recôncavo Baiano. Alan estava custodiado no Conjunto Penal de Lauro de Freitas e no dia 20 de abril deste ano foi beneficiado com saída temporária, mas não retornou.

Regivaldo Vasconcelos do Nascimento, chamado também de “Boneco”, ocupa o lugar da carta ‘Dama de Paus’. Ele tem mandado de prisão por homicídio e age na capital baiana. Estava custodiado no Presídio de Salvador e no dia 8 de outubro do ano passado foi beneficiado com relaxamento de prisão pela 15ª Vara Crime e continua cometendo ações ilícitas.

De Várzea da Roça, município baiano, Lucas Aquino da Silva, o “Aquino” é procurado por crime contra a vida. Aquino passa a representar a carta ‘Seis de Paus’, fechando a lista de mudanças.

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar Mais Por Pedro Silveira Leite
Carregar mais em Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Vejam também

Anatel recebe 6,6% a mais em reclamação, se comparado ao segundo semestre de 2019

As reclamações da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) no primeiro semestre de 20…